05/01/09

Faz-te!

Trouxe-te um olhar
No tempo

No vento
Uma falsa verdade
Acusas sinceridade
Não a digas.
Não faças nada
Faz-te a ti!
Antes de qualquer outro
Antes de mim
Faz-te grande
Faz-te minúsculo
Faz-te brilho
Faz-te.
Lavra caminho
Antes de outros encontrares
Antes de outros desvirtuares.

2 comentários:

PURO AMIGO disse...

Boa Noite
Regressei para ler mais um pouco do seu espaço e peguei em alguens titulos e compus:

Estrada, Tudo ou Nada
Dormir, Um Até Sempre
Noite,Tespestade
Selada a Lacre, 2009

Será, Outro Luar, De novo
Festa Alem das Palavras
Na Praia Hoje, Olhar os Trilhos
Querer Fluir Elementos Murchei

Náo rima muito, na próxima estarei menos cansado, a intenção é saudável.
Comprimentos
Miguel

me.lx disse...

Uhm, talvez...

Pela Estrada com Um Tudo ou Nada
Num dormir, mas nunca
Um até sempre
Noite Tempestade
Selada a lacre no 2009

Será De novo um Outro Luar
Numa Festa Além das Palavras
Na Praia hoje para Olhar os trilhos
Onde Querer é o Fluir
Em elementos
onde já Murchei?

isto é só brincar com as palavras ;)