25/09/16

furto

Roubei-te ao mundo
que te tinha solto e livre por inteiro
furtei o teu tempo que alheio me era
e presa fico sem cárcere ou masmorra

sem fumo

Vício teu que mora em mim
não é fumo que o acusa 
mas tempo ou distância
 que me pede a ti

28/06/16

colouring around

no more white
no more black
colouring an happy life!

16/06/16

going...

by Dhavebaj Anupabsthian
 Confuse...but the only way is up!

03/06/16

que hacemos

Que hacemos con el amor,
que tanto insiste en quedarse
Que hacemos nosotros, mi amor
Que hacemos?
Si no, à disfrutálo
Si no, à vivirlo
intensamente
todos los dias,
e nuestros, que son esos dias
de puro amor!

02/06/16

minha culpa, culpa minha

O teu lugar ao meu lado está vazio,  
mas a minha cabeça está cheia de ti
Minha culpa,
Que me apeteces.
Por tanto gostar que te tenho
Onde todo o tempo dos sentidos 
se esgota rapidamente na pele
E a memória altiva não se mostre
porque nada acolhe eternamente
Trapaça essa, 
que a alma e mente me fazem.
Minha culpa,
Ou será culpa minha!?

04/04/16

vraiment!!

Ohhh! 
Le printemps est là. 
Et moi aussi!
Où êtes-vous?
Je vous attend.

28/02/16

linha no branco



andas poeta meu amor?
de letra alheia 
de poema ou prosa 
de voz sentida 
procuras palavras 
dás-me sentido
fazes escrita
  poetizas-me meu amor!

14/02/16

love, love, love...

I pretend to grow a lot!

28/01/16

touch of gold

sometimes a very little touch is the enought to get the feel of a biggest glimpse!

17/01/16

semeando

Mi alma
semeando amor
quedando por besos e cariños
se hace mio, con su mirada
así lo haciemos nuestro
el amor
el amor

2016

366 dias para tudo. Perfeito!

07/11/15

bairro

O fim de tarde traz a azáfama das mães que regressam a casa e se o bairro se pintalga de desenho Art Deco nas suas fachadas de rua, é ver as mães desta década com os seus pequenos carros urbanos de cor garrida, divertida, as mães de penteados arrojados na cor e na forma com trajar actual e com filhos de agora, a maternidade é a mesma, assim como a época das casas, o ritmo o dos dias de hoje, mas o layout de vida é de um bairro que se renovou, o meu e eu com ele, que já tinha a minha história.

22/06/15

o tempo esse grande escultor

Sou o que sou, do tempo que por mim passou e naquele onde estou!

Sim esse escultor que nos passa, nos talha e molda, tornando-nos obras únicas na sua mão quer sejamos obras primas ou apenas imperfeitas, mas obras!

07/05/15

Cortes

Frase de filme dita no masculino:
- Quando uma mulher corta o cabelo é sinal que quer mudar de vida!
Já cortei o meu, falta fazer-me ainda o resto.

27/04/15

mil coisas

A vida não trouxe solidão
trouxe-me mil encantos
mil risos e sorrisos
mil beijos 
sem desenganos

03/04/15

nem tu, nem eu

nem tu, nem eu
somos pássaros de luz
nem tu, nem eu
somos luar livre
nem tu, nem eu
somos apenas nós
nem tu, nem eu
somos demasiado tarde

extinção é..

(Arquitectura, arquitecta e filho perspicaz) 
- Ficou bem este desenho, não achas Francisco?
- O teu trabalho é muito bonito mãe, é só pena estar em vias de extinção!!!!

31/03/15

ne pas trop ni peu

Je t'aime ne pas trop, ni peu
tout simplement avec votre nom
Je vos aime avec mon couer
Vous donnant mon corps
prendre mon âme avec amour
Je t'aime ne pas trop, ni peu,
Seulement avec votre nom!

29/03/15

ás vezes dói!

O gostar tem destas coisas!
Ás vezes dói, 
Por muito que não se queira
e longe seja o propósito de amar,
ás vezes dói;
porque não é livre.
porque tem nomes e passado
porque não se pode deixar ir
tem um porque, ou um porquê,
vive de vontade, 
onde não se encaixam tempo ou lugar
Faz doer, 
dói, 
ás vezes dói!
Não é por mal, apenas tem de ser.

24/01/15

Pronome

Segura-me mão com a tua magia
Leva-me com a paixão cada dia
Que amor floresça e permaneças
Que fique e faça alegria
Escrevo o teu nome
Amor é o seu pronome

2015

E como o tempo não pára, e já quase no fim de janeiro
 cá estou no novo 
que se faça um ano ímpar, de verdade!

02/12/14

15 minutos

O dia fechou a luz, a casa está silenciosa. 
Enquanto os miúdos fazem os trabalhos de casa, Dvorák toca de fundo, eu enrosco-me numa manta e pouso rosto na almofada, aconchega-me o sono, finalmente sinto-me quebrada.

01/12/14

mar contido

 
todas as voltas
me traz um marinheiro
contido fica o seu mar
guardado no meu nome,
Marina

26/09/14

beijos em lisboa

Dá-me beijos em Lisboa,
dá-me mimos 
e outras carícias.
Dá-me beijos em Lisboa
e outras delícias.
E eu dou-te
todos os mil beijos
que em mim ficaram
por Lisboa!

25/04/14

25 de Abril e a liberdade's

Hoje comemora-se a liberdade, fruto da acção desses 'alguéns' reconhecida como um bem essencial para a vida de qualquer ser humano, disso eu não duvido, ter direito a escolher o nosso caminho e acreditar no  futuro é algo em que sempre vivi, um bem adquirido por consequência desse acto.
Mas a verdade é, que nunca me senti tão presa e com tão pouca esperança neste nosso futuro como país nesta nossa caminhada pelas últimas liberdades instituídas para bem de todos!

14/04/14

foles de folhos

- Eles estão a tocar gaita de folhos!
- De foles
- Não sei porquê, troco sempre esse nome.

12/04/14

viagens

De todos os sítios por onde passei,
de todos aqueles que percorri,
de todas as escolhas e opções que fiz,
foi no teu caminho 
onde me encontrei
e foi no teu caminho
onde mais de mim perdi!

26/03/14

higiene matinal

(na saída da manhã para a escola... com falhas na rotina, como lavar bem a cara e pentear...)

- Parece que temos de rever essa higiene matinal!
- Uhmm... estou mesmo a ver que isso mete água.

das coisas do amor

Não sabes dessas coisas!

Dessas coisas do amor
do abraço
do beijo quente
do amasso feito de meiguice 
do enlace
dessas coisas pequenas
afinal tão grandes
Essas coisas feitas com amor!